sexta-feira, 16 de fevereiro de 2018

#A Menina que Realizava Sonhos...


     Lembro-me que você havia me pedido um presente, algo que você pudesse levar com você quando chegasse o grande dia. Eu confesso que pensei, pensei e como não poderia deixar de ser, resolvi escrever!
     Daqui algumas horas o seu sonho se inicia, mais uma etapa está por vir e cara, eu olho para trás e vejo quantas coisas já vivemos juntas e vou um pouco mais além, quantas coisas maravilhosas ainda estão por vir.
     Em meio a tantas lembranças, nos vejo no ensino médio, no nosso primeiro dia de aula, mais especificamente. Eu era nova na escola, entrei naquela sala toda séria – como não poderia deixar de ser -, sentei na primeira carteira que vi. Eu toda insegura – sem deixar transparecer, claro – no meio de um monte de gente que já se conhecia, me virei, vi você, aquela menina branquinha, cabelo longo, cacheado, falante com a famosa pinta no braço... Olhei, te achei receptiva e então sorri e você... Você me ignorou!
     É, esse foi o nosso primeiro contato, não começamos muito bem eu diria... Mas calma, o resto da história compensa, eu garanto!
    Desde então, muita coisa mudou, você passou a gostar de mim KKKK. Me pedia ajuda inclusive nas matérias, sentava do meu lado. É, tá vendo? A gente nunca perde por estudar! KKKK
     Ao longo desses anos, eu a vi passar por várias fases, eu a vi se transformar, se rebelar, se reestruturar, se permitir, se equilibrar.
     Eu vi a sua fase de descoberta, onde tudo era novo, fácil, prazeroso, permitido, possível...
     Eu vi o início das suas tentativas, as oportunidades que nunca eram perdidas...
     Eu vi os primeiros e últimos nãos, eu a vi em “depressão”, eu a vi se retrair...
     E quando tudo já não era mais festa, eu a vi se doar, se entregar, se redimir...
     Eu vi a transformação, o amadurecimento, a obediência e um incrível pulso firme para liderar.
    Eu vi vidas sendo ganhas através da sua vida, eu vi os seus testemunhos, seu esforço, seus dons e inteligência, todos, absolutamente todos, sendo usados pelo mais magnífico, poderoso e maravilhoso Deus!
     Eu vi todas as suas fases, todas as suas etapas, as pessoas que entraram e saíram da sua vida. Eu vi as suas conquistas. Eu já tomei café na sua casa, conheço seus pais e até o único cachorro com uma verruga na testa do mundo, que é o seu!
    Eu te vi conquistar um emprego, tirar sua habilitação, ganhar um carro. Eu andei no seu carro, eu o vi parar na minha porta e só me devolver em casa novamente quando o dia já estava raiando, eu já viajei com você nele, eu até dirigi ele – YEAH! – Agora manjo das reduções por sua culpa! Eu vivi momentos maravilhosos dentro dele! E, olha, eu quero que saiba que eu não me arrependo de nada viu?! Todos esses momentos ficarão guardados no meu coração para sempre!
     Caramba! Eu vi, acompanhei tanta coisa! Mas há algo, nesses anos todos, que eu nunca vi e claro que eu precisava falar aqui!
     Durante todos esses anos, eu nunca te vi desistir. É, você nunca desistiu do seu maior sonho! Já percebeu isso? Você sempre persistiu, algumas vezes do seu jeitinho, mas persistiu.
     Foi humilde, obedeceu, trabalhou e nunca deixou de sonhar! Você soube esperar o tempo passar e agora chegou a hora de realizar!
     Quero deixar aqui registrado, por meio das minhas mais simples – porém cheias de amor – palavras que eu amo você, que eu morro de orgulho e felicidade em ver tudo o que já vivemos e o que Deus realizou na sua vida!
     Desejo que quando os dias lá não forem tão fáceis, que você recorra a essas palavras, abra esta carta e veja quantas coisas já superou, tudo o que já conquistou e que Deus te capacitou, então voe, o mundo é seu!
    Gratidão é o que transborda no meu coração agora por te ter na minha vida e, principalmente, por Deus ter permitido que nos aproveitássemos tanto nesses últimos tempos. É, eu também vi você dançando funk do meu lado KKKK... Obrigada Deus, essa valeu muito!!!
     Para você, além do meu muito obrigada e das saudades que a esta altura já escorrem pelos olhos, vai o meu até breve!
     Até breve minha linda, você merece o mundo porque o seu coração é do tamanho dele e ah, não esqueça! Um dos seus convites de formatura é meu!

TE AMO!

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

#Música do Dia - Vida Longa Mundo Pequeno

Vida Longa Mundo Pequeno - Oriente
Até mais
Espero o tempo rolar
Mesmo tempo que esperei pra gente se enrolar
Tu deitada a me olhar, minha barba por fazer
Lembra as mancadas que eu dei, de novo tenta adormecer
Deitados, abraçados, pleno verão, muito calor
O jazz baixim no computador, se funde ao som do ventilador

E tu me sussurrou...te amo, te amo
Eu respondo eu também, mas na sequência eu me levanto
Sento na rede, aperto um reet, tu reclama que eu fumo demais
Mas no fim das contas gosta da energia que a planta me traz
Faz meu humor que é vulnerável, parecer mais maleável
Porque eu mal humorado sei que sou insuportável

Sei que sou carregado, por energias sangue-sugas
Que fuma meus cigarros que queimam sozin
No cinzeiro e me fazem sair na madruga
Tacando fogo no puteiro, com cachaça ou piloto de fuga
Eu falo de várias mudanças, mas no final nada muda
Sou malandro e minhas filosofias são contraditórias
Às vezes me entrego, te explicando alguma outra história
O vento que me carrega é o vento que bate agora
Ventos fortes me abalaram, mas me reestruturei outrora

Nova aurora, vento novo, nado contra a corrente
Ou só atravesso o rio, deságuo em qualquer afluente
Vou a favor da corrente, se a direção for a mesma
São energias diferentes, mas a direção é a mesma

Eu sou yin você é yang, tu é alma, eu sou sangue
A nossa hora vai ser outra, não adianta bater cabeça
Minhas promessas não foram falsas, talvez precipitadas
Mas você olha nos meus olhos e vê que não é caôzada
Todo carnaval tem seu fim em cinzas, você sabe
Mais nas cinzas como a ave, onde o nosso amor renasce
Isso não é uma desculpa, nem menos explicação
Isso é uma carta de amor, quem escreveu foi o coração

Quando diz que me ama, vejo brilho no seu olhar
Mas deixa o tempo falar.. tô precisando voar
Tu sabe que eu vou voltar.. aguarda o tempo que dá
Vida longa, mundo pequeno, a gente ainda vai se encontrar

Quando diz que me ama, vejo brilho no seu olhar
Mas deixa o tempo falar, vou me perder pra me achar
Num garanto nem voltar, talvez passe pra te buscar
Vida longa, mundo pequeno, a gente ainda vai se encontrar

Em outra encarnação, não vou fazer que seja nessa
Propósito inflexível, segue o fluxo, sem pressa
Meu olhar pra outras mina, é superfície
Teu cheiro, teu sorriso.. é maior que disse me disse
A vida transborda o tempo todo, tire seus aprendizados
Não destrua o futuro por problemas do passado
Odeio despedidas
Não consigo só assisti-la
Sua presença é sentida, coração vibra, tu desfila
Você chora, o humor oscila, se mutila

Eu me afogo em uísque, você no chá de camomila
Minha plenitude é um catavento no olho do furacão
E no começo do amor, tudo era confirmação
O tempo que passou? Esquece, esse tempo já era
Espera que o corte é fundo, mas com o tempo regenera
Quem arruma problema, de problema se alimenta
No game homem e mulher na falta de um, tu inventa
Quem procura acha, e quem pede é atendido

Então saiba onde procurar, e selecione os seus pedidos
Na cama a gente se entende, só a gente sabe, né?
Na pista mãozinha dada, na cama homem e mulher
Tu se solta, olha meus olhos, e fica no meu comando
Tu incorpora uma cigana, e eu com naipe de malandro
Quando eu sentir saudades de todos os momentos nossos
Vou pensar em te ligar, mas vou te achar em outros corpos
Outros copos, outras áreas, outro plano, outro mundo

Coração de malandro, olhar safado vagabundo
Minha mente e minha loucura foi o que fez cê querer vir
E essa mesma loucura que fez tu querer partir
Melhor mesmo tu ir agora, antes que eu seja rude
Até mais minha pequena, ainda tá escrito maktub
E o magrin se emociona, porque me dói te libertar
Mas cê não ia conseguir me acompanhar


Quando diz que me ama, vejo brilho no seu olhar
Mas deixa o tempo falar, tô precisando voar
Tu sabe que eu vou voltar, aguarda o tempo que dá
Vida longa, mundo pequeno, a gente ainda vai se encontrar




sexta-feira, 22 de dezembro de 2017

#Os Livros Até Aqui...




Pare de Gostar do que te Faz Mal 2 – Teco Mendes


Um e-book essencial para quem deseja seguir o estilo de vida Paleo e ter o corpo e a saúde que sempre sonhou.

Escrito por Teco Mendes, um dos maiores especialistas em Paleo do país e autor do blog SendoPaleo.com, uma das principais referências nacionais em informação de credibilidade sobre o universo Paleo.








O Poder do Hábito - Por Que Fazemos o Que Fazemos na Vida e Nos Negócios – Charles Duhigg

Charles Duhigg, repórter investigativo do New York Times, mostra que a chave para o sucesso é entender como os hábitos funcionam - e como podemos transformá-los.
Durante os últimos dois anos, uma jovem transformou quase todos os aspectos de sua vida. Parou de fumar, correu uma maratona e foi promovida. Em um laboratório, neurologistas descobriram que os padrões dentro do cérebro dela mudaram de maneira fundamental.
Publicitários da Procter & Gamble observaram vídeos de pessoas fazendo a cama. Tentavam desesperadamente descobrir como vender um novo produto chamado Febreze, que estava prestes a se tornar um dos maiores fracassos na história da empresa. De repente, um deles detecta um padrão quase imperceptível - e, com uma sutil mudança na campanha publicitária, Febreze começa a vender um bilhão de dólares por anos.
Um diretor executivo pouco conhecido assume uma das maiores empresas norte-americanas. Seu primeiro passo é atacar um único padrão entre os funcionários - a maneira como lidam com a segurança no ambiente de trabalho -, e logo a empresa começa a ter o melhor desempenho no índice Dow Jones.
O que todas essas pessoas tem em comum? Conseguiram ter sucesso focando em padrões que moldam cada aspecto de nossas vidas. Tiveram êxito transformando hábitos. Com perspicácia e habilidade, Charles Duhigg apresenta um novo entendimento da natureza humana e seu potencial para a transformação.


Extraordinário - R. J. Palacio

“Extraordinário” é um livro que conquistou diversos públicos e foi adaptado para o cinema ainda em 2017! Aproveite para ler o livro e conhecer essa história inteligente, sensível e leve que traz mensagens sutis e humanas, deixando uma verdadeira lição de vida sobre respeito e amor ao próximo.
“Toda pessoa deveria ser aplaudida de pé pelo menos uma vez na vida, porque todos nós vencemos o mundo” August Pullman (Extraordinário).
Não julgue um menino pela cara
Não existe nome mais adequado para este livro: “Extraordinário”. De leitura dinâmica, prazerosa e envolvente, “Extraordinário” conta a história de August Pullman, o Auggie, uma criança que nasceu com uma séria síndrome genética que o deixou com deformidades faciais, fazendo com que ele passasse por diversas cirurgias e complicações médicas ao longo dos seus poucos anos de vida.
Auggie foi educado em casa até os 10 anos, quando começou a frequentar o quinto ano em uma escola de verdade. Ser o aluno novo não é fácil, mas com um rosto tão diferente pode ser ainda mais difícil! Auggie vai ter que convencer seus colegas do colégio particular de Nova York que, apesar de sua aparência diferente, ele é um menino igual a todos os outros.


Tá e Daí? A Vida Por Mim – Ana de Cesário

A gaúcha Ana de Cesaro resolveu mudar de vida, três anos atrás, quando se viu acomodada em um relacionamento sem brilho, sufocada por uma carreira que ocupava todos os espaços e presa a um corpo que não reconhecia. Decidida a nunca mais adiar os próprios sonhos, Ana se mudou para São Paulo sem conhecer quase ninguém para viver da sua paixão , a internet. O novo endereço motivou também a transformação mais radical de todas: Ana queria ter um corpo saudável, jovem como ela e capaz de suportar todas as emoções que viriam pela frente. Um ano depois do início do desafio, 40 quilos mais magra, ela teve certeza de que cada um é dono da sua própria história. É a sua história, aliás, que ela conta nesse livro. Você vai rir muito com ela, e também vai chorar. Com a vida da gente também é assim. Ana De Cesaro transformou sua trajetória em energia para ajudar outras pessoas que precisavam aprender a se gostar. Yotuber das mais poulares, palestrante e praticante de artes marciais, essa gaúcha de 27 anos tem certeza de que os sonhos da gente são o que existe de mais importante.


segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

#Entre Aspas


"Sou fã das voltas que o mundo dá. Não adianta, por mais tempo que passe, por mais idas e vindas, ah, meu amigo, o mundo gira…"
Matheus Rocha

"Calma, o tempo é especialista em reviravoltas".

"Entender que tudo tem o seu tempo. Que tudo vem a seu tempo. Dar o tempo necessário. Para crescer. Brotar. Florescer. Aceitar o ciclo da vida. Respeitar o fluxo do tempo. Observar o tempo passar. Esperar o tempo certo. Pra plantar. Pra colher. Pra agir. Pra seguir. Pra aprender".

"Aprendi a esperar, porque quando tive pressa,fiz tudo errado".

"Tenho orgulho de mim, mesmo com todos os meus defeitos, problemas e manias, sou satisfeita comigo mesma. Aguento calada o que você não aguentaria nem gritando. Já fui julgada, ignorada, magoada, e ainda assim sei sorrir. Sou forte, madura, e aprendo com meus erros. Pois é, me orgulho de mim mesma, porque mesmo com todos os problemas, continuo aqui… Intacta!"

"Você sabe que está no caminho certo quando perde o interesse de olhar para trás".


"Chega uma hora, em que você entende que o que as pessoas falam, é só o que elas falam. E não o que você é. Não atinge, não incomoda, não ofende. Porque você só se culpa, se a sua consciência permitir. E se ela está  tranquila, qualquer tipo de  ataque alheio, é o mesmo que nada".
Karla Tabaliza

quarta-feira, 1 de novembro de 2017

#Pensamentos Soltos - Não se Demore


Não se demore quando o ânimo não mais o alcançar.
Não se demore quando o riso já não sair tão fácil.
Não se demore quando o preocupar-se for maior do que o alegrar-se.
Não se demore quando já não mais for bem-vindo.
Não se demore quando somente com a ingratidão se deparar.
Não se demore quando não mais encontrar motivos para ficar.
Saiba a hora de parar.
Arrume as malas e parta.
Apenas vá e não se demore.

terça-feira, 12 de setembro de 2017

#Pensamentos Soltos - Eu Sou Platéia



     Respeitável público, bem-vindos à mais um espetáculo!

     É, quanto mais o tempo passa, mais percebo que nada na vida é em vão, nada acontece por acaso. Todos os nossos atos, desde os mais lindos e singelos, aos que distorcem totalmente os nossos valores são “contabilizados”.


     É estranho, mas é como se a vida tivesse um caderninho de anotações em que vai marcando tudo aquilo fazemos aos outros e, no tempo certo, nos devolve aquele mesmo ato, com a mesma intenção e intensidade.



     Lei do Retorno, eu sempre acreditei nela e ela é realmente implacável, nos devolve toda a alegria e toda a dor que causamos. Tudo, tudo na mesma proporção. Seria até engraçado, se não fosse trágico quando acontece conosco.


     Essa lei tem muito a ver com o tempo, com o tempo as coisas se ajeitam e coloca tudo em seu devido lugar. Tempo, eu também sempre acreditei nele, tanto que costumo até dizer que eu sei esperar o meu tempo e hoje eu vejo o efeito real disso na minha vida.



     Com o tempo as coisas se encaixam de tal maneira que nos faz estar nos lugares certos, na hora certa para presenciar como a bela dança das cadeiras se dá, onde quem estava sentado se levanta para assistir de camarote as coisas voltarem para seu devido lugar.

       Eu tomei o meu assento. Hoje, no espetáculo da vida, eu sou platéia.

terça-feira, 5 de setembro de 2017

#Entre Aspas




“No final, apenas três coisas importam: Quanto você amou, se viveu com bondade e se abriu mão grandiosamente de coisas que não eram para ser suas”.
Buda

“Transborde amor, quem não souber nadar, que afunde sozinho”.

“Ela procurava as flores sem saber que a primavera morava dentro dela”.

“Assuma seus erros com a mesma coragem que você teve para cometê-los”.

“(…) e depois não se surpreenda se caso amanhã eu acordar e meu primeiro pensamento não for mais você…”


“Um dia, que está se perdendo no tempo, você me fez irritantemente feliz!”
Eni Araújo